Catarinense é indicado para vaga no Conselho Nacional de Justiça

0
41

O juiz catarinense Márcio Schiefler Fontes teve seu nome aprovado na tarde desta quarta-feira, 9, pelos 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) para uma vaga no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Há quase 10 anos, o supremo indicava por unanimidade um magistrado de carreira para o cargo. As informações são da Assessoria de Imprensa da Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC).

O STF comunicará em breve a indicação ao Senado Federal, que realizará a sabatina com o catarinense. Juiz de Direito em Santa Catarina desde 2005, Schiefler tem no currículo passagens pelo Conselho Nacional dos Direitos Humanos, onde é conselheiro suplente, vaga do CNJ; e atual membro da Comissão Permanente dos Direitos das Pessoas em Situação de Privação de Liberdade.

No CNJ, atua como juiz colaborador do Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário; e membro da Comissão Executiva do Fórum Nacional Poder Judiciário e Liberdade de Imprensa.

No STF, foi juiz auxiliar no gabinete do ministro Teori Zavascki, de 2014 a 2017, com atuação destacada no âmbito da Operação Lava-Jato.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here