Inquérito é aberto para investigar a existência de cartel nos postos de combustíveis em Lages

0
63
Foto: Divulgação

Nesta semana o Ministério Público, através da 6ª Promotoria, abriu um inquérito civil público para investigar a possível prática de cartel nos postos de combustíveis de Lages.

O pedido de providência ao MP foi feito pelo vereador Lucas Neves (PP) depois que ele percorreu 11 postos da cidade e identificou que em todos eles o valor do litro da gasolina era o mesmo R$ 4,22.

— Coletamos cupons fiscais que comprovam o tabelamento de preços em boa parte dos postos. São estabelecimentos com estruturas diferentes, donos diferentes e quantidade de funcionários diferentes – explica Lucas Neves.

Para o vereador a possibilidade de os postos estarem combinando preço, proibindo assim a livre concorrência, o que se caracteriza cartel, pela lei esse tipo de prática é proibida. Segundo o Sindicato dos Postos de Combustíveis de Lages, o fato de estar vendendo o valor do litro da gasolina igual é uma questão de mercado, já que o preço repassado pelas distribuidoras de combustíveis é muito parecido e isso acaba fazendo com que o valor praticado seja parecido ou igual nas bombas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here