Homem é preso por tentativa de homicídio em Santa Cecília

0
71

Na madrugada de segunda-feira (04), um estabelecimento comercial de Santa Cecília foi furtado por um elemento que danificou a porta de entrada e subtraiu de dentro do local certa quantia em moedas e mais alguns gêneros alimentícios.

Por volta das 12h45min de segunda feira, o proprietário do estabelecimento, julgando ter identificado o autor da subtração, pegou um rapaz em via pública, com auxílio de um amigo, e passaram a desferir diversas agressões contra o sujeito no interior do próprio comércio.

Em seguida os agressores colocaram a vítima dentro de um veículo sob a mira de um revólver e se dirigiram até um local afastado da cidade. Neste local de mata os agentes desferiram golpes de facão na cabeça, braços e mãos da vítima, falando à todo tempo que iriam lhe matar. Em seguida abandonaram o sujeito no meio do mato.

Mesmo severamente machucado o rapaz conseguiu pedir socorro em uma residência próxima ao local, quando o Corpo de Bombeiros foi acionado e socorreu a vítima, que só sobreviveu graças à eficiente ação dos socorristas.

Logo após tomar conhecimento do crime a Polícia Civil iniciou diligências e identificou quem seriam os dois agressores. Um deles foi preso em flagrante logo após a execução do crime, e o outro elemento empreendeu fuga e encontra-se foragido.

Na residência do agente preso os policiais encontraram um revólver calibre .32, que provavelmente foi a arma utilizada no crime, e também localizaram outras evidências que ligam o conduzido ao fato criminoso. O indiciado D. L. C. teve sua prisão preventiva decretada em audiência de custódia, e deve permanecer preso durante o trâmite do processo.

Os indivíduos vão responder pelo crime de

Na madrugada de domingo para segunda feira, 04/11/19, um estabelecimento comercial de Santa Cecília foi furtado por um elemento que danificou a porta de entrada e subtraiu de dentro do local certa quantia em moedas e mais alguns gêneros alimentícios.

Por volta das 12h45min de segunda feira, o proprietário do estabelecimento, julgando ter identificado o autor da subtração, pegou um rapaz em via pública, com auxílio de um amigo, e passaram a desferir diversas agressões contra o sujeito no interior do próprio comércio.

Em seguida os agressores colocaram a vítima dentro de um veículo sob a mira de um revólver e se dirigiram até um local afastado da cidade. Neste local de mata os agentes desferiram golpes de facão na cabeça, braços e mãos da vítima, falando à todo tempo que iriam lhe matar. Em seguida abandonaram o sujeito no meio do mato.

Mesmo severamente machucado o rapaz conseguiu pedir socorro em uma residência próxima ao local, quando o Corpo de Bombeiros foi acionado e socorreu a vítima, que só sobreviveu graças à eficiente ação dos socorristas.

Logo após tomar conhecimento do crime a Polícia Civil iniciou diligências e identificou quem seriam os dois agressores. Um deles foi preso em flagrante logo após a execução do crime, e o outro elemento empreendeu fuga e até então encontra-se foragido.

Na residência do agente preso os policiais encontraram um revólver calibre .32 S&W, que provavelmente foi a arma utilizada no crime, e também localizaram outras evidências que ligam o conduzido ao fato criminoso. O indiciado D. L. C. teve sua prisão preventiva decretada em audiência de custódia, e deve permanecer preso durante o trâmite do processo.

Os indivíduos vão responder pelo crime de tentativa de homicídio duplamente qualificado.

duplamente qualificado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here