BRDE obtém linha de crédito de R$ 1 bilhão para a Região Sul

0
67
Foto: Divulgação

Com o objetivo de atender a alta demanda de crédito empresarial com custos mais acessíveis durante a pandemia, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) lança linha de crédito de R$ 1 bilhão. Os recursos foram obtidos junto ao BNDES e o montante é 45% maior do que o do primeiro semestre deste ano.

De acordo com o presidente do BRDE, Luiz Corrêa Noronha, os recursos serão destinados a empresas afetadas pela pandemia, investimentos em geral e ao agronegócio, especialmente para o novo Plano Safra. Empresários que recorrerem à nova linha contarão com baixas taxas de juros e prazos maiores de pagamento, de acordo com perfil de operações da instituição.

Como são três estados, os valores serão divididos em partes iguais e Santa Catarina deverá ficar com R$ 336 milhões. O diretor de Acompanhamento e Recuperação de Crédito do BRDE, Vladimir Arthur Fey, explica que o perfil dos contratos varia de acordo com cada projeto e setor. O banco trabalha com recursos de instituições brasileiras e do exterior.

– Empresas de todos os setores estão procurando crédito. Algumas buscam linha emergencial em função da pandemia. Outras estão investindo. Entre os setores que buscam recursos para investimentos estão o agronegócio, turismo e indústrias – afirma Fey.

Apesar da profunda crise enfrentada pelo turismo, o diretor diz que chamam atenção projetos ao setor, especialmente novos hotéis e novos equipamentos de lazer.

Para crédito emergencial às médias, pequenas e microempresas afetadas pela pandemia, o BRDE conta com o programa Recupera Sul, com linha de R$ 100 milhões. Desse montante, R$ 60 milhões já foram emprestados e R$ 40 milhões estão contratados e sendo liberados conforme as etapas necessárias para finalizar as operações, informa o diretor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here