SC tem recorde de candidaturas a prefeito e vereador nas Eleições 2020

0
72
Foto: Divulgação

Santa Catarina terá o maior número de candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador em pelo menos 20 anos nas Eleições 2020. O Estado já registra 21.371 candidaturas até o início da noite deste domingo (27), segundo o sistema DivulgaCand, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O número é parcial, mas já aponta para um recorde de candidaturas no Estado ao menos desde 2000.

O número ainda não representa o total de candidaturas nos 295 municípios do Estado. Este dado só deve ser fechado na segunda-feira (28), e também pode mudar após o julgamento dos pedidos de registro de candidatura.

No entanto, já é possível apontar que pelo menos desde 2000 o Estado não tinha tantos nomes envolvidos nas disputas nos municípios. Até então, as eleições de 2012 tinham o maior número de postulantes a prefeito, vice e vereador, com 17.662 concorrentes a esses três cargos nas cidades de SC.

O número de candidatos a prefeito saltou de 754 nas últimas eleições municipais, em 2016, para 911, até a última atualização do sistema do TSE. Até então, a disputa em que o Estado teve mais pessoas concorrendo a chefe do Executivo nos municípios catarinenses foi em 2004, quando 766 pessoas se lançaram às corridas pelo cargo.

Já o número de candidatos a vereador, que nas duas últimas eleições ficou na casa de 16 mil postulantes, já chega a pelo menos 19.548 nas Eleições 2020, até a atualização deste domingo.

O aumento no número de candidaturas confirma uma expectativa da Justiça Eleitoral e de especialistas. A principal tese é de que o fim das coligações na disputa pelas vagas de vereador causou um aumento no número total de candidatos.

A medida forçou cada partido a lançar uma nominata própria com postulantes aos cargos do Legislativo, em vez de unir forças com outras legendas para lançar uma lista conjunta. Muitas siglas também apostaram em lançar candidaturas próprias na eleição para prefeito.

 

O cientista social e mestre em Sociologia Política Sérgio Saturnino Januário, da Exitus Comunicação e Pesquisa, confirma que a quantidade maior de concorrentes a prefeito e vereador é efeito da mudança que restringe a coligação nas candidaturas proporcionais. Segundo ele, o número poderia ser ainda maior se houvesse mais concorrentes para cumprir a cota de gênero.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here