Presídio de segurança máxima de São Cristóvão do Sul será aberto

0
717
Foto: Divulgação

Depois de quase cinco anos pronto, enfim será aberto o presídio de segurança máxima de São Cristóvão do Sul. A estrutura foi concluída em 2016, mas por falta de agentes para trabalhar ainda não estava em operação.

Na terça-feira (11), entretanto, o governo do Estado anunciou a contratação de mais 213 policiais penais formados no concurso mais recente. Com isso, será possível abrir unidades prisionais.

​A principal delas é a de São Cristóvão do Sul, que fica dentro do Complexo Penitenciário onde há também duas penitenciárias na mesma área. O novo espaço será destinado a presos de alta periculosidade, que atualmente ficam em outras unidades ou também são transferidos para presídios federais em outras partes do país.

O presídio foi concluído em junho de 2016. Ele tem capacidade para 106 vagas, sendo 30 para o Regime Disciplinar Diferenciado (RDD). O investimento foi de R$ 15,6 milhões. No RDD, o detento fica fechado dentro do espaço por 24 horas, com duas horas de banho de sol dentro da própria cela.

​Os agentes que vão trabalhar no local não são os recém-formados, mas sim outros com experiência e treinamento específico.

Outros dois presídios serão abertos em Santa Catarina como a contratação de 213 policiais penais: o presídio de Tubarão e a nova ala do presídio de Joinville. As três estruturas ampliam em 614 o número de vagas para detentos no Estado.

O novo grupo de servidores se somado a 327 nomeados em janeiro, agora são 540 os agentes contratados do concurso que previa 600 vagas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here